ARQUIDIOCESE
de Pouso Alegre

Dom Majella preside segundo dia da Novena no Santuário Nacional - por Pe. Andrey Nicioli


De 1 a 9 de outubro, diversos bispos de dioceses e arquidioceses do Brasil estarão no Santuário Nacional para presidir a novena em preparação à Festa de Nossa Senhora Aparecida e Jubileu dos 300 anosE o Arcebispo Metropolitano de Pouso Alegre será o pregador do segundo dia, 2 de outubro, tanto na oração da tarde (15h) como da noite (19h), as quais terão como tema "Senhora Aparecida: das águas à Graça batismal". 

Neste ano, a celebração acontecerá com um motivo especial: a comemoração dos 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida nas águas do Rio Paraíba do Sul. São 300 anos de uma história de devoção, bênção e graça. Segundo Padre João Batista de Almeida, C.Ss.R, Reitor do Santuário Nacional, a expectativa é de que a novena seja feita por momentos especiais de oração e de que os encontros propostos, no livro, sejam restauradores de vida, recuperadores de dignidades perdidas e libertadores de escravidão assim como tem sido a história da devoção a Nossa Senhora Aparecida nestes 300 anos.

Entenda o tema do segundo dia:

"No segundo dia da nossa novena, rezamos e celebramos o nosso batismo. Todos nós somos discípulos e missionários de Jesus Cristo, assim como Nossa Senhora. Ela é para nós um modelo perfeito de vida cristã, um modelo perfeito para que todos os batizados possam com carinho, se dedicar ao serviço do anúncio do evangelho.

Através do nosso batismo nos tornamos filhos de Deus, através das águas do batismo renascemos para uma vida nova em Cristo Jesus, a quem somos convidados a testemunhar com alegria. O discípulo do Senhor é alguém alegre, alegre como Maria que percorreu longas estradas para visitar a sua prima Izabel, para levar a ela, a alegre notícia que seria a Mãe do Salvador.

Com Maria queremos percorrer longas estradas, para dar testemunho do evangelho, assumindo com responsabilidade a nossa vocação cristã, vocação está que recebemos no dia do nosso batismo".

Oração Jubilar: 300 Anos de Bênçãos 

Senhora Aparecida, Mãe Padroeira, 

em vossa singela imagem, há 300 anos 

aparecestes nas redes dos três benditos pescadores no Rio Paraíba do Sul.

Como sinal vindo do céu, em vossa cor, 

vós nos dizeis que para o Pai não existem escravos, 

apenas filhos muito amados. 

Diante de vós, embaixadora de Deus, 

rompem-se as correntes da escravidão! 

Assim, daquelas redes, 

passastes para o coração e a vida de milhões de outros filhos e filhas vossos.

Para todos tendes sido bênção:

peixes em abundância, famílias recuperadas, saúde alcançada, 

corações reconciliados, vida cristã reassumida.

Nós vos agradecemos tanto carinho, tanto cuidado! 

Hoje, em vosso Santuário e em vossa visita peregrina, nós vos acolhemos como mãe, 

e de vossas mãos recebemos o fruto de vossa missão entre nós: 

o vosso Filho Jesus, nosso Salvador. /

Recordai-nos o poder, a força das mãos postas em prece! 

Ensinai-nos a viver vosso jubileu com gratidão e fidelidade! 

Fazei de nós vossos filhos e filhas, 

irmãos e irmãs de nosso Irmão Primogênito, Jesus Cristo,

Amém! 

 

 

 

 

 

Publicado no dia 01/10/2017